Áreas de Concentração

1. AVALIAÇÃO DE POLÍTICAS SOCIAIS

Objetiva contribuir para o aprofundamento do conhecimento sobre as dinâmicas das políticas sociais hoje e para a utilização da avaliação de políticas como uma ferramenta analítica e interventiva junto aos problemas sociais que atingem a nossa sociedade. Em termos mais específicos, ela se propõe a:

1) avaliar o processo de desenvolvimento e o impacto de políticas sociais implementadas ou em implementação;

2) conhecer a dinâmica política de organização e provisão (características de cobertura e utilização; demanda e oferta de serviços; estrutura organizacional e institucional e financiamento) dos serviços sociais no Brasil;

3) analisar o padrão atual das políticas sociais vis-à-vis as reformas recentes no aparato de proteção social e seu impacto no bem-estar dos grupos e população atingidos.


LINHAS DE PESQUISA


2. SUJEITOS SOCIAIS E PROTEÇÃO SOCIAL

Esta área abriga estudos que caracterizam, inventariam e analisam teoricamente os sistemas de proteção social, articulando suas duas dimensões – primária e secundária. Ao fazê-lo, privilegia a análise das ações sociais dirigidas a segmentos sociais tradicionalmente definidos como excluídos: homossexuais, crianças, negros, mulheres, idosos, população carcerária, operários, população de rua, etc. desse modo, a análise dos chamados novos e “velhos” movimentos sociais se incluem nessa área. Os estudos também se detêm no exame das formas de sociabilidade e formação de identidades desses mesmos segmentos, bem como a análise de formas emergentes de proteção social, a exemplo das ações empresarias. Estudos no campo da religião, segurança pública e cidadania também vêm engrossando essa área de concentração. Do ponto de vista metodológico, os estudos dessa linha buscam contribuir para a superação da clássica polarização das relações de classe, gênero e etnia, bem como enfatizar a dimensão da subjetividade dos diferentes sujeitos sociais. Por reconhecer que os processos culturais contemporâneos se atualizam na dialética da estrutura X evento e considerando as evidências de circularidade cultural nos padrões de proteção social, boa parte das pesquisas tem adotado a perspectiva da longa duração histórica.


LINHAS DE PESQUISA

 

Copyright ©2016 - STI - Todos os direitos reservados